AUTONOMIA PROFISSIONAL E A MEDICINA DO TRABALHO

Keti Stylianos Patsis

Resumo


O médico não pode, em nenhuma circunstância, ou sob nenhum pretexto, renunciar à sua liberdade profissional, nem permitir quaisquer restrições ou imposições que possam prejudicar a eficiência e a correção de seu trabalho, (CEM, Capítulo I, item VIII).


Palavras-chave


Medicina do Trabalho, autonomia, responsabilidade técnica, hierarquia

Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.