O SUS COMO PRIORIDADE

Donizetti Dimer Giamberardino Filho

Resumo


A crítica ao Programa Mais Médicos é muitas vezes mal interpretada e confundida com preconceito em relação a profissionais estrangeiros. Não é o caso! Não há nenhum componente de discriminação na exigência de que a medicina no Brasil só possa ser exercida por médicos que tenham o diploma reconhecido (revalidado) por universidade brasileira. A contratação de médicos estrangeiros sem revalidação de seu diploma foi um remédio para o sintoma, e não para a doença, pois nunca pôs em pauta o problema central, que é a ausência de uma política pública efetiva para a fixação de domicílio do profissional nas regiões mais longínquas do país. (...)


Palavras-chave


Assistência, intercambista, diploma, epidemiologia, política pública.

Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.