14/01/2021

Pesar pelo falecimento do médico e professor Orival Alves, pioneiro da Neurocirurgia no Oeste do PR

Um dos idealizadores do curso de Medicina da Unioeste, ele tinha 73 anos e completaria 50 de formado este ano. É primeiro médico de Cascavel vitimado pela Covid-19; morte em Londrina eleva a 32 o total no Paraná

O Conselho Regional de Medicina do Paraná registra com pesar o falecimento do médico e professor Orival Alves (CRM-PR 5.546), ocorrido na noite de quarta-feira (13) em Cascavel, no Oeste do Estado, onde ele foi um dos idealizadores do curso de Medicina e do Centro de Ciências Médicas da Unioeste, bem como foi o criador e coordenador do Programa de Residência Médica em Neurocirurgia no Hospital Universitário do Oeste do Paraná. Neurologista e neurocirurgião, ele tinha 73 anos de idade e neste ano completaria 50 anos de profissão. Estava internado havia quase três semanas no Hospital Policlínica e não resistiu às complicações decorrentes da Covid-19. É o 31.º médico a falecer no Paraná por causa da doença e o primeiro de Cascavel.

O velório foi realizado na manhã desta quinta-feira (14) na capela central da Acesc, em Cascavel, com a despedida ocorrendo em seguida em cerimônia restrita aos familiares por causa das medidas sanitárias. A Unioeste decretou luto oficial de três dias na Reitoria, Campus de Cascavel e Hospital Universitário. A morte do médico e professor teve grande repercussão na região, sendo reconhecido pelo importante legado para área médica e comunidade acadêmica. A Diretoria da Representação Regional do CRM-PR em Cascavel manifestou-se, lamentando “a perda do colega Dr. Orival Alves, que faleceu esta noite. É uma grande perda para nossa região, como pessoa e como profissional. Nossas condolências aos familiares”. Também a presidência do Conselho expressou solidariedade aos familiares e amigos e realçou o luto que envolve a Medicina paranaense, com tantos profissionais vitimados pela doença.

O Dr. Orival era irmão do também médico e professor Oscar Alves (CRM-PR 1.728), que foi secretário Estadual de Saúde e Bem-Estar Social (1979-1982) e deputado federal pelo Paraná. Professor da área de Ginecologia e Obstetrícia da Universidade Estadual de Londrina e membro da Academia Paranaense de Medicina, o Dr. Oscar Alves tem 55 anos de atividade e já recebeu o Diploma de Mérito Ético-Profissional do CRM-PR pelo Jubileu de Ouro, comenda que este ano alcançaria o irmão. Confira no final a manifestação do Dr. Oscar.

clique para ampliarclique para ampliarProf. Orival Alves. (Foto: Arquivo)

Formação

Paranaense de Alvorada do Sul, o Dr. Orival nasceu em 13 de março de 1947. Formou-se em Medicina pela Universidade Federal de Santa Catarina em 1971, tendo se registrado no CRNM-SC com o número 1104. No ano de 1972, iniciou a residência médica em Cirurgia, Ortopedia e Traumatologia, com ênfase em Neurocirurgia na Universidade Federal do Rio de Janeiro que foi concluir na Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto, da Universidade de São Paulo. E, foi lá também que concluiu o Doutorado. Foi em 1979, após o convite do amigo e colega Stenio Henrique de Souza, que Orival estabeleceu-se em Cascavel para iniciar a carreira. Além de registro nos Conselhos do Paraná e Santa Catarina, o Dr. Orival tinha inscrição em São Paulo (23.741) e Rio de janeiro (175.076). Foi um dos pioneiros da Neurocirurgia no Oeste do Estado.

Trajetória

O Dr. Orival Alves foi um dos idealizadores do curso de Medicina (1995) e do CCMF - Centro de Ciências Médicas na Unioeste, câmpus de Cascavel (2004). Exerceu cargo administrativo de coordenador do curso de Medicina e foi um profissional experiente na área de educação em Medicina e em Neurocirurgia. Também foi criador e coordenador do Programa de Residência Médica em Neurocirurgia no Hospital Universitário do Oeste do Paraná. Fazia parte da equipe médica da Neuroclínica em Cascavel, Hospital Policlínica e era professor adjunto de neurocirurgia da Unioeste - Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

Manifestação da Unioeste

“É com extremo pesar que a Universidade Estadual do Oeste do Paraná (Unioeste) comunica o falecimento do professor do Centro de Ciências Médicas e Farmacêuticas do Campus de Cascavel, Dr. Orival Alves, em decorrência de complicações da Covid-19. Professor Orival, Neurocirurgião, está na história da Medicina em Cascavel, sendo importantíssimo na implantação e reconhecimento do curso da Unioeste”, diz nota da univcersidade.

O reitor Alexandre Webber reforçou: “Tivemos uma notícia muito triste para nossa universidade e, com certeza, também para comunidade de Cascavel. Dr. Orival foi fundamental na criação e na consolidação do curso de medicina da Unioeste”. Recordou que o professor emprestou nome ao Centro Acadêmico de Medicina, homenagem recebida ainda em vida. “Nos orgulha toda essa história. Dr. Orival foi homenageado pelos acadêmicos do curso de Medicina, que deram seu nome ao centro acadêmico. Ele teve um papel fundamental também na Medicina de Cascavel. A capacidade técnica e o trabalho que ele fez, deixa um legado muito grande para seus alunos, amigos, família e toda sociedade Cascavelense”, finaliza Alexandre.

De acordo com colegas de profissão, foram mais de 24 anos de atuação na Unioeste. Ingressou na universidade no dia 3 de abril de 1995. “Desde então, participou das lutas para implantação do curso de Medicina, organizou o Projeto Político Pedagógico do curso, e foi responsável por inúmeras conquistas em todos esses anos. A dedicação e o engajamento nas lutas resultaram pela escolha de Orival como primeiro nome de turma do curso de Medicina. Além disso, também exerceu o cargo de coordenador do curso, nos anos de 2000 a 2002, sendo o segundo coordenador de Medicina da universidade”, referiram-se outros docentes.

Outras manifestações

O membro da Academia Paranaense de Medicina, Dr. Oscar Alves, emitiu o seguinte comunicado sobre a morte do irmão: "Estimados amigos, esta noite o meu amado irmão Orival Alves, médico neurocirurgião em Cascavel partiu para a sua morada eterna, junto de Deus. Ele foi um excelente filho, irmão, marido, pai, médico, professor, um ser humano excepcional. Graduado, doutorado em medicina, muitos pós-doutorados em neurocirurgia, professor nos cursos de enfermagem e de medicina na Unioeste, criador e coordenador do curso de medicina, colocando-o entre os melhores do país. Tombou esse guerreiro na luta a favor da saúde das pessoas, abatido por essa Covid infame. Pelo seu legado como ser humano, exemplar na família e na profissão, temos certeza de que está sendo acolhido por Deus na sua glória. Grato a todos que se irmanarem nas orações pelo seu espírito que descanse em paz, junto de Deus".

O também médico e amigo da família, Dr. Miroslau Bailak, lamentou a perda: “É com pesar que comunico o falecimento do nosso querido professor Orival Alves. Que Deus possa confortar os amigos e familiares”.

MÉDICOS FALECIDOS PELA COVID-19 NO PARANÁ.

 

Envie para seus amigos

Verifique os campos abaixo.
    * campos obrigatórios

    Comunicar Erro

    Verifique os campos abaixo.

    * campos obrigatórios